O juiz e as gostosas

Bons tempos aqueles em que, para escrever o que bem entendesse, um juiz recorria à ficção e não a própria sentença para isso. Recentemente, o ministro do STF, Eros Grau (neste caso, nome é destino), lançou um romance chamado Triângulo no Ponto, em que mistura uma trama política que se passa na época da ditadura (o que esperar de um ex-membro do partidão?) a descrições de cenas de sexo que, se levarmos em consideração o que fui divulgado por aí, poderiam muito bem concorrer ao prêmio Bad Sex in Fiction Award da Literary Review.

Agora, um juiz do Rio de Janeiro aproveitou a sentença a favor da idenização de um consumidor pela empresa fabricante de um aparelho de televisão defeituoso para tecer comentários sobre o Big Brother Brasil e futebol. Em qualquer outra situação, se alguém viesse conversar comigo sobre estes temas tão excitantes, eu bocejaria logo nas primeiras palavras do infeliz. Como se trata de um juiz e de uma decisão judicial, a coisa toma outro rumo, bastante ridículo:

“Na vida moderna, não há como negar que um aparelho televisor, presente na quase totalidade dos lares, é considerado bem essencial. Sem ele, como o autor poderia assistir às gostosas do Big Brother, ou o Jornal Nacional, ou um jogo do Americano x Macaé, ou principalmente jogo do Flamengo, do qual o autor se declarou torcedor?”

Não satisfeito, o distinto ainda completou:

“Se o autor fosse torcedor do Fluminense ou do Vasco, não haveria a necessidade de haver televisor, já que para sofrer não se precisa de televisão.”

A decisão pode ser lida na íntegra no site Última Instância. Eros Grau fez escola.

Anúncios

7 Respostas to “O juiz e as gostosas”

  1. Ana Says:

    Meu caro Marcel, lendo o parecer judicial ficaram-me duas perguntas penduradas e balançando-se em meus neurônios.
    1) Que gostosas do BBB?! Ou ele é pouco exigente ou precisa de luneta.
    2) Ver gostosas para …que? Geralmente quem olha as ditas ” gostosas” se masturba por elas!!!!!!!!
    Caramba!!!!!!!!!!!!
    Lembro-me da anedota da mulher que surpreendeu o marido se masturbando no chuveiro. ” Que é isso?!” espantou-se ela. E ele respondeu ” estava pensando em você, querida….”
    Em quem pensará um Juiz? E´casado? Tem filhos?
    Ana

  2. Ana Says:

    ALGUÉM PODERIA ME FALAR SOBRE MEU QUERIDO , ESTIMADO E RESPEITADO JOHN UPDIKE?
    HOUVE UMA ENTREVISTA DO PAULO FRANCIS – EXCELENTE- COM ELE HA ALGUNS ANOS.
    MAS…ALGUÉM SE LEMBRA DE PAULO FRANCIS? E ALGUÉM LEU UPDIKE?
    ANA

  3. léo e só Says:

    olá Marcelo

    Eu digo que essa é a mais pura poesia, digna de um filme do Groucho Marx!

    Já até vejo o charuto o bigode declarando a sentença com aquele ar de malícia, principalmente na parte das gostosas. aiaiaia

    é ou não é o país das piadas prontas?!

  4. Marcelo Lopes Says:

    léo,

    Com certeza o Brasil é o país da piada pronta! Pena que a maioria é sem graça… E pena também que não temos sequer um Groucho Marx para fazer graça inteligente da nossa desgraça cotidiana.

    Abs!
    Marcelo.

  5. Marcelo Lopes Says:

    Ana,

    Graças a internet descobri que muita gente leu e lê não apenas John Updike, mas também Philip Roth, Saul Bellow, Don DeLillo, etc. E também Paulo Francis, que de vez em quando ganha um post ou matéria saudosa em algum blog/site.

    Abs!
    Marcelo.

  6. marie tourvel Says:

    Quando isso vai passar, Marcelo, querido? Está tudo invertido, me parece. Ou sou eu que sou “reaça” demais? 🙂

    Beijos, Marie

  7. Marcelo Lopes Says:

    Ah, marie…

    Não sei quando isso passará, mas vc está certa: especialmente nesta terra, tudo está invertido.

    Abs!
    Marcelo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: