Coisas que eu gostaria de ter dito – 6

Existem alguns textos que parecem ter sido escritos única e exclusivamente para que concordemos com eles, do primeiro ao último parágrafo. É o caso deste Os Comedores de Lixo, de João Pereira Coutinho, publicado na Folha Online de 09/03, de onde cito um trecho:

Pessoalmente, nada tenho a dizer: sobre Jade Goody [britânica participante de um reality show que faleceu recentemente, vítima de câncer] e muito menos sobre a tv que filma a sua decadência física. Mas estranho que, no meio da gritaria, ninguém tenha dito o básico. E o básico não está na moribunda, muito menos na tv que filma a moribunda. O básico está numa população anônima de milhões de britânicos que permitem a existência desse caso, consumindo-o com voracidade mórbida. O fenômeno Jade Goody, e a repugnante vontade de o filmar até ao limite, não existiria se as audiências não existissem.

Como o próprio autor diz, parece algo óbvio, mas nãó é bem assim. Vale (e muito) a pena ler o restante do curto e preciso texto.

Uma resposta to “Coisas que eu gostaria de ter dito – 6”

  1. É preciso salvar a solidão (ou Coisas que eu gostaria de ter dito – 8) « Universo Tangente Says:

    […] relacionados: Coisas que eu gostaria de ter dito – 7 , 6, 5, 4, 3, 2, […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: