Sobre o Passado

A partir da indicação da Dicta & Contradicta, cheguei ao belo discurso que o intelectual polonês Leszek Kolakowski proferiu quando recebeu o Prêmio Kluge (uma espécie de Nobel para áreas não premiadas pela Academia Sueca, como história, política, antropologia…), do qual retiro logo do primeiro parágrafo o trecho:

The past by definition is an ocean of events that once happened; and those events are either retained in our memory, that is to say they exist only as part of our psychological reality, or reconstructed by us on the basis of our present experience – and it is only this present experience, ou present reconstruction of the past, that is real, not the past as such. In other words, the entire realm of the past exists only as portion of our (or strictly speaking, my) counsciousness; the past in itself is nothing.

Vale a pena ler; é simples, poderoso e pertinente. Além de terminar assim:

One might ask what is the point of repeating these banalities. The answer is that it is important to keep on repeating them, again and again, because these are banalities we often find it convenient to forget; and if we forget them, and they fall into oblivion, we will be condemning our culture, that is to say ourselves, to ultimate and irrevocable ruin.

Eu até pensei em traduzir os trechos, mas duvido bastante da minha competência nessa área; além do quê, se com meu inglês raquítico, eu li o discurso sem problemas…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: